text.skipToContent text.skipToNavigation
potencia_rms_mobile.jpg

Potência RMS: o que é e como influencia na compra da caixa de som para casa

No universo da tecnologia, muitas vezes nos deparamos com siglas que não entendemos ou palavras que não sabemos o que significam. Isso é muito comum, pois as transformações tecnológicas acontecem de forma extremamente rápida e acabam exigindo muito de nós. É o que acontece, por exemplo, quando vamos adquirir caixa de som para casa. Nessa situação, um dos itens em que pensamos é na potência delas. E é aí que entra a necessidade de entender o que significa potência RMS.

A potência RMS é resultante de um cálculo matemático. Ela é a abreviação de “root medium square”, ou, traduzindo, “raiz média quadrada”. A medida é usada para avaliar a potência elétrica que será revertida em som. Ainda sem entender? Vamos explicar melhor.

Quanto mais potente for um amplificador, melhor será a qualidade do som que ele proporcionará. Não estamos aqui falando de um som mais alto, mas, sim, mais nítido e limpo. Por isso, a medida RMS precisa ser um dos fatores na sua avaliação quando for adquirir um aparelho de som e estiver em busca de qualidade.

Potência real

A potência RMS traduz a potência real de amplificadores e caixa de som para casa. Ela é a máxima potência suportada por um equipamento que esteja reproduzindo a faixa de frequência para a qual ele tiver sido fabricado. Hoje, os fabricantes de eletroeletrônicos precisam utilizar essa medida, por isso é necessário ter tanta atenção a ela. Como é uma medida padrão, permite comparações mais acertadas entre modelos e suas especificações.

Um fabricante pode dar a medida de um aparelho em Watts RMS ou PMPO. Em RMS, ela geralmente será mais baixa, enquanto em PMPO será mais alta. Por isso, fique de olho. Em seu site, o Inmetro ressalva a necessidade de ter atenção a essas diferenças no momento da compra, para não fazer comparações equivocadas.

A potência PMPO, que significa Potência de Saída de Pico Musical, não leva em conta a distorção que pode ocorrer durante a reprodução do som por tempo indeterminado. Ela se limita a traduzir a potência máxima alcançada por um aparelho em um curto espaço de tempo. Após esse tempo, ele pode começar a distorcer o som, afetando bastante a sua qualidade.

Medida padrão

Como o padrão PMPO é pouco confiável, os fabricantes resolveram padronizar a RMS como medida oficial. Segundo as recomendações do Inmetro, os fabricantes são obrigados a expor na embalagem dos produtos as 2 medidas com o mesmo destaque. Assim, fica mais fácil decidir.  

Então, ao comprar uma caixa de som para casa, a dica é comparar a potência RMS de determinado aparelho com a potência RMS de outro, e não comparar a potência RMS com a potência PMPO. Ou seja, sempre compare medidas iguais. Por isso, toda atenção é pouca.