text.skipToContent text.skipToNavigation
m_template_img_01.jpg

Qual a melhor batedeira: planetária ou tradicional?

Quem adora cozinhar sabe que a melhor batedeira não pode faltar na cozinha. Com ela, dá para tirar de letra tarefas que levam mais tempo, como bater clara em neves, fazer bolos ou pães bem fofinhos. Mas pode surgir a dúvida na hora de escolher o modelo: batedeira planetária ou tradicional?

Batedeira tradicional

As batedeiras tradicionais não têm muito segredo, pois são aquelas que já estamos acostumados. Geralmente a maioria delas é mais simples, com menos recursos e potências menores. Entretanto, há uma variedade enorme de modelos no mercado, muito maior que as planetárias. Assim é possível encontrar aparelhos mais modernos com várias funções, utensílios e potências altas.

O que é batedeira planetária?

A batedeira planetária possui muitas vantagens, principalmente se você adora fazer massas, bolos e pães. Para quem não sabe, uma das principais diferenças desse modelo é o movimento dos seus batedores que giram simultaneamente ao redor da tigela e em torno do próprio eixo, assim as massas ficam muito mais uniformes e aeradas. E, melhor, você não precisa ficar girando a tigela, os batedores alcançam todo o recipiente sozinhos!

Outra vantagem é que ela costuma ser bem mais potente, garantindo misturas super homogêneas em pouco tempo. Além da potência e praticidade, esse modelo também possui vários recursos e utensílios que ajudam a deixar as receitas no ponto perfeito.

Toda batedeira planetária vem com diferentes níveis de velocidades e batedores específicos para massas leves, médias e pesadas. As velocidades menores são ideais para deixar as massas delicadas suaves, enquanto as mais rápidas garantem a mistura perfeita até das mais encorpadas. Os batedores vêm nos seguintes formatos: balão para massas leves, folha para massas médias e gancho para as pesadas, como pães.

Em relação aos utensílios, a tigela geralmente é maior e mais resistente, perfeita para preparar receitas grandes de uma só vez. Também há tampas e bocas alimentadoras para acrescentar aos poucos os ingredientes com a batedeira já ligada, evitando respingos e sujeira na cozinha. Os botões do menu são mais modernos e realizam diversas funções, como soltar os batedores, destravar a tampa, separar o corpo da base, entre outras coisas, que facilitam o preparo da receita e a limpeza do aparelho.

Como você pode perceber, a melhor batedeira para quem costuma cozinhar com frequência ou em grandes quantidades é a planetária. E, sem dúvida, ela também é a mais indicada para quem não tem muito tempo ou prática na cozinha, já que deixa o trabalho muito mais prático e rápido, não é mesmo?

E então, qual a melhor batedeira para você?